Viver

SAMP anuncia fim do 'Pinhal das Artes' e novo evento em 2017 noutro local

19 jan 2016 00:00

Informação contraria comunicado desta manhã da Secretaria de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural

samp-anuncia-fim-do-pinhal-das-artes-e-novo-evento-em-2017-noutro-local-2854

“Sendo o Lugar das Árvores um factor vital e integrante da identidade do nosso Festival, somos forçados a abandonar este projecto muito querido por todos. Todavia, não abandonamos a ideia de oferecer música e artes aos nossos bebés e suas famílias! Por isso mesmo, iremos em conjunto com a Unidade de Gestão Florestal do Centro Litoral analisar a viabilidade de produzir um novo projecto, num outro espaço da Mata Nacional que garanta todos os requisitos de segurança actualmente exigidos.”

Com estas palavras, a Direcção da Sociedade Artística Musical dos Pousos anunciou ao final da manhã de hoje, dia 19 de Janeiro, o fim do Pinhal das Artes e a sua substituição por um novo evento, noutro local da Mata Nacional que não usará a designação de Pinhal das Artes.

A informação contraria o comunicado desta manhã da Secretaria de Estado das Florestas e Desenvolvimento Rural que revelava que, do encontro de ontem, dia 15, entre a SAMP e o secretário de Estado das Florestas, Amândio Torres, tinha resultado "o compromisso de organizar de imediato um calendário de contactos entre a SAMP e o ICNF, tendo em vista uma solução para o evento de 2017" ter lugar no Pinhal de Leiria.

Como o director artístico da instituição já havia sublinhado várias vezes, caso não fosse possível utilizar o Lugar das Árvores, em São Pedro de Moel, não se justificaria continuar a usar a designação do evento e a filosofia teria de ser alterada.

Sem surpresas, a SAMP confirma ainda que não realizará o Pinhal das Artes em 2016, facto que já tinha sido noticiado pelo JORNAL DE LEIRIA, na edição da semana passada.

“Confirma-se que não será possível realizar o Festival Pinhal das Artes no Lugar das Árvores, por razões de segurança. Confirma-se que o uso do Espaço Público terá um custo de acordo com o tipo de utilização a realizar. Em face da mudança das regras de utilização e gestão do espaço, mais se justifica que a SAMP tenha cancelado o evento, não se tratando de um acto extemporâneo e sim responsável perante todos os parceiros e partes interessadas no projecto”, pode ler-se ainda no comunicado do estabelecimento de ensino artístico.

 

Assine Já Login

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?
Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.