Economia

Salário é factor relevante mas outros aspectos também contam

13 jan 2020 14:21

“Apesar de enfrentarem um mercado claramente liderado pelo candidato, a retenção não parece constar entre os principais factores que influenciam a decisão de promover colaboradores", lê-se no Guia do Mercado Laboral 2020 da Hays.

salario-e-factor-relevante-mas-outros-aspectos-tambem-contam
"A questão salarial é apenas um factor relevante na retenção das equipas"
Ricardo Graça/Arquivo
Raquel de Sousa Silva

Com a crise, muitos recém-licenciados, e também quadros com experiência que se viram no desemprego, aceitaram novos cargos por salários mais baixos. Agora, num cenário de escassez de recursos humanos, estão as empresas dispostas a aumentar salários para reter os seus profissionais ou para atrair talentos?

Apesar de enfrentarem um mercado claramente liderado pelo candidato, a retenção não parece constar entre os principais factores que influenciam a decisão de promover colaboradores: apenas 13% dos empregadores indicam que promoveram pessoas por serem muito requisitadas no mercado de trabalho, e 12% para travar a saída de colaboradores para outra empresa”, lê-se no Guia do Mercado Laboral 2020 da Hays.

A questão salarial é apenas um factor relevante na retenção das equipas, pelo que reter pessoas unicamente pelo salário é 'curto', na medida em que é uma 'compra' sempre a prazo, com discutível nível de envolvimento e comprometimento com a organização. É nesse sentido que, a par deste tema, outras questões, como o ambiente de trabalho, a relação com as chefias, o potencial de crescimento e desafio dos projectos, têm de ser trabalhados”, defende António Poças.

Dito isto, claro que é importante que a remuneração seja enquadrada com o meio envolvente, por isso temos vindo a preparar o nosso sistema de remuneração para incluir uma componente variável que permite maior capacidade de adaptação a impactos externos, a par naturalmente de revisões salarias compatíveis com o contexto económico”, explica o presidente da inCentea.

A relação laboral está hoje em mudança, o trabalho está cada vez mais a deixar de ser um sítio para ser o que fazemos. A conciliação da vida pessoal e profissional, a realização profissional, como forma de realização pessoal, é mais valorizada pelas gerações mais novas. A diversidade cultural e partilha de experiência entre gerações é cada vez mais um factor determinante na renovação das equipas”, sublinha ainda este empresário.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO