Sociedade

Pinhal de Leiria recebe 5,9 milhões de euros até 2022

8 mar 2019 00:00

Governo anuncia investimentos também nas matas do Urso, Pedrógão e Casal de Lebre, todas no distrito de Leiria.

pinhal-de-leiria-recebe-59-milhoes-de-euros-ate-2022-9982

Até 2022, o investimento no Pinhal de Leiria vai chegar aos 5,9 milhões de euros, em acções de repovoamento da área ardida, beneficiação de estradas, gestão de combustível e recuperação dos prejuízos provocados pela tempestade Leslie, anunciou hoje o secretário de Estado das Florestas, Miguel Freitas, durante uma iniciativa de reflorestação perto de Vieira de Leiria, no concelho da Marinha Grande.

O plano do Governo contempla também 2,8 milhões de euros para a Mata Nacional do Urso, 189 mil euros para a Mata Nacional de Casal da Lebre e 178 mil euros para a Mata Nacional do Pedrógão, todas no distrito de Leiria.

No total, as matas públicas na região centro afectadas pelos incêndios de 2017 recebem 18 milhões de euros, até 2022, a receita obtida pelo Estado, até agora, em hasta pública. Do terreno saíram, no último ano e meio, 15 mil camiões com madeira ardida. 

Desde o incêndio de 2017, foram replantados 1.000 hectares no Pinhal de Leiria, o equivalente a 1 milhão de árvores. Até 2022, vão ser recuperados mais 1.500 hectares de área ardida. O fogo atingiu 9.500 hectares, 86% do total. É necessário repovoar um terço. Nos restantes dois terços o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) conta com regeneração natural. 

Segundo Rogério Rodrigues, presidente do ICNF, as temperaturas elevadas, a falta de humidade e o vento estão a dificultar a tarefa, com taxas de mortalidade das plantas que em alguns talhões sobem até aos 70 ou 80 por cento, quando o normal são percentagens de 15 a 20 por cento.

Outra dificuldade tem sido a contratação de novos assistentes operacionais para o Pinhal de Leiria. Das 35 vagas a concurso, só 5 estão preenchidas. 

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.