Sociedade

Quase 420 mil eleitores convocados para o 'jogo' das autárquicas

28 set 2017 00:00

Eleições. No próximo domingo, quase 420 mil eleitores são chamados a eleger novos órgãos autárquicos no distrito. Entre Câmaras e Assembleias Municipais e Assembleias de Freguesia há milhares de candidatos a disputar 1518 lugares.

quase-420-mil-eleitores-convocados-para-o-jogo-das-autarquicas-7203
Maria Anabela Silva

São quase 420 mil os eleitores inscritos no distrito para as autárquicas do próximo domingo e que estão convocados para escolher quem irá ocupar os 1518 lugares em disputa para as 16 Câmaras e Assembleias Municipais e para as 110 Assembleias de Freguesia.

De acordo com os dados constantes nos mapas eleitorais, elaborados pelo Ministério da Administração Interna, entre 2013 e 2017 o distrito perdeu quase 7500 eleitores, com a redução a fazer- se sentir em 13 dos 16 concelhos.

As excepções são Caldas da Rainha, Marinha Grande e Nazaré, onde houve um ligeiro aumento (mais 94, no primeiro caso, mais 361 no segundo e mais 105 no terceiro caso). Segundo os dados do MAI, as maiores quebras registaram nos municípios de Alcobaça (menos 719) e de Pombal (menos 293 eleitores).

Descendo ao nível da freguesia, os dados revelam que há 16 com menos de mil eleitores e cinco com mais de dez mil. No primeiro caso, o destaque vai para Campelo, freguesia do concelho de Figueiró dos Vinhos que só tem 204 eleitores inscritos. Seguemse Vila Facaia (Pedrógão Grande) e Almoster (Alvaiázere), com apenas 521 e 613 eleitores registados.

No pólo oposto, ou seja, entra as freguesias com maior quantidade de eleitores, aparecem a União de Freguesia de Leiria, Pousos, Barreira e Cortes, a Junta da Marinha Grande e a União de Freguesias de Marrazes e Barosa (concelho de Leiria).

No primeiro caso, estão inscritos mais de 28 mil eleitores, enquanto no segundo são quase 27.500 e no terceiro 21.144. As duas primeiras freguesias têm, cada uma, mais pessoas inscritas para votação do que 11 concelhos do distrito, sendo superadas apenas pelos municípios de Alcobaça, Caldas da Rainha, Leiria, Marinha Grande e Pombal.

Mas, entre o número de eleitores inscritos e os que efectivamente votam vai uma grande distância. O histórico da abstenção em eleições autárquicas no distrito revela que foi nas últimas, realizadas em 2013, que se registou o valor mais elevado, com quase metade (49,6%) dos cidadãos que podiam votar a não exercerem esse direito.

É, aliás, necessário recuar até 1982 para encontrar um valor de abstenção abaixo dos 35%. Nesse ano, votaram no distrito 34,8% dos eleitores inscritos, uma percentagem superior àquela que foi verificada nas primeiras eleições autárquicas no pós-25 de Abril, realizadas em 1976 e que tiveram uma taxa de abstenção de 38,1%.

Há 81 candidatos às Câmaras. Só 14 são mulheres

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Se efectivar a sua assinatura durante o mês de Maio, 10€ reverterão para o combate à fome na nossa região.