Viver

Marta Lisboa: acordar de manhã, sempre com um sorriso no rosto

14 nov 2019 00:00

O Almanaque desta semana foi respondido pela designer de jóias e de moda

marta-lisboa-acordar-de-manha-sempre-com-um-sorriso-no-rosto
Marta Lisboa
DR

Se acontecesse um cataclismo e só pudesse salvar três músicas quais seriam?

Realmente músicas não era o que passava pela cabeça salvar, até porque, por muito mal que cante, consigo reproduzir uma melodia. Mas isto de cataclismo deixa-me stressada e com fome, Feijoada Completa, de Chico Buarque, Favas Com Chouriço, do José Cid, O Bacalhau Quer Alho, do Saul Ricardo.  

Está no baile da aldeia e dá-lhe uma vontade repentina de dançar. Quem convidaria para seu par?

Ora digamos que um belo copo de vinho é, sem dúvida, a melhor companhia para dançar, além de não ter de me preocupar em levar um “não”, também não tenho de me preocupar com as pisadelas.

Que remédio usa para baixar a tensão?

Gosto particularmente de tirar fotografias de rua, a pessoas desconhecidas a fazerem coisas normais e a serem elas próprias.

Qual o roteiro para um dia perfeito?

Roteiro para um dia perfeito é não ter roteiro e criá-lo no momento, não ter expectativas. E quando damos conta, no final do dia, tivemos um dia incrível!

Vai ter um jantar romântico à luz das velas. Que ementa prepara?

Pode ser um entrecosto assado, assim não há desculpas para não comer à mão!

O que faria se acordasse milionária?

Provavelmente iria estar alguns dias a reter/processar essa informação, era uma grande responsabilidade, tinha de ser muito bem pensado!  

Que personagem do cinema gostaria de ter sido?

Gostava de ter sido um dia O Exterminador Implacável, para exterminar meia-dúzia deles sem ter de me preocupar muito com as consequências, visto que sou um robot.

E para contracenar consigo?

O Rambo, acho que fazíamos uma bela dupla.

Rambo
John Rambo


A justiça foi injusta, o tribunal enganou-se e vai ter de estar em prisão domiciliária durante um ano. Três objectos indispensáveis...

Máquina fotográfica, rádio e caneta (talvez conseguisse depois arranjar o papel).

Se, por acaso, algum dia morrer, como gostaria de ser recordada?

Certo é que ninguém fica cá para semente. Gostaria que me recordassem como provocadora de pensamentos e criativa.  

O sonho que comanda a vida é...

A liberdade é o meu sonho e é o que comanda a minha vida.

I'll be back! De onde é que sai com esta frase mítica?

Antes de morrer, era, sem dúvida, o momento perfeito.

Vai para Tenerife assistir a uma demonstração de colchões, mas decide desviar o avião. Para onde?

Talvez Marrocos, fica ali a meio do caminho, e ainda temos combustível para voltar para casa.

Quer impressionar alguém, que história, baseada em factos verídicos, conta?

Capuchinho Vermelho, há muitos lobos hoje, a tentarem fazer-se passar por avozinhas frágeis e indefesas.

Se tivesse de passar seis meses numa ilha deserta, quais seriam os três livros que levaria?

Um livro de sopa de letras, um livro de sudoku e talvez um em branco para escrever os meus tédios.

Em criança, quando fosse grande, gostaria de ser...

Em criança gostava de ser um dia presidente da Junta. Agora vejo que é uma profissão pouco romântica. Sonhos de criança destruídos.  

Passa pela quermesse da Christie’s e tira uma rifa, que obra de arte gostaria que lhe calhasse?

Apesar de não estar na quermesse da Christie's gostava que me calhasse o busto cómico do CR7 para ter na minha mesa de cabeceira. De manhã acordaria sempre com um sorriso no rosto.

EVENTOS