Economia

Grande distribuição tem mais de uma centena de lojas na região

16 jan 2020 00:00

As cadeias de retalho alimentar continuam a abrir lojas no distrito, numa estratégia de proximidade e de aumento das vendas. Em Leiria, abriu há dias um Pingo Doce e vai chegar mais um Continente Bom Dia

grande-distribuicao-tem-mais-de-uma-centena-de-lojas-na-regiao
Pingo Doce abriu no final de Dezembro a sua quinta loja em Leiria
Ricardo Graça
Raquel de Sousa Silva

São já mais de 120 as médias e grandes superfícies que as cadeias de retalho alimentar nacionais e estrangeiras têm na região. E continuam a abrir lojas.

No final de Dezembro a Jerónimo Martins abriu mais uma loja em Leiria, a quinta no concelho. Situada no Lis Shopping, tem quase 1500 metros quadrados e conta com uma equipa equivalente a 68 pessoas a tempo inteiro.

Esta não é a única cadeia a apostar em Leiria. Depois de em Maio ter aberto um Continente Bom Dia na antiga Proalimentar, a Sonae prepara-se para abrir outro espaço do género no Rego d'Água, no edifício onde funcionou a Moviflor, numa zona onde, no raio de pouco mais de um quilómetro, já há lojas de cinco concorrentes.

O que poderá justificar esta aposta? Há ainda espaço no mercado para novas lojas? O JORNAL DE LEIRIA questionou a Sonae, que não respondeu até ao fecho da edição.

“Estamos ainda abaixo da média de metros quadrados de loja por habitante”, avança Tomé Lopes, administrador do Grupo Os Mosqueteiros. “Ninguém quer perder a quota de mercado que tem. Uns abrem e os outros vão atrás”, acrescenta o também proprietário do Intermarché de Pombal e de Marinha da Guia. “Sem metros quadrados abertos não se conseguem aumentar

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Se efectivar a sua assinatura durante o mês de Maio, 10€ reverterão para o combate à fome na nossa região.