Sociedade

54 minutos: Marrazes lança campanha contra a violência

1 out 2020 10:57

Num vídeo de exactamente 54 segundos, os autores vão ter de se expressar sobre a violência contra as mulheres

54-minutos-marrazes-lanca-campanha-contra-a-violencia
Campanha vai lançar um vídeo por dia como forma de sensibilização para a violência
DR

São 54 minutos. Este é o tempo livre que cada mulher tem para si durante as 24 horas de um dia, de acordo com o estudo As mulheres em Portugal, hoje, realizado pela Fundação Francisco Manuel dos Santos.

Foi com base nesta conclusão que a União de Freguesias de Marrazes e Barosa, no concelho de Leiria, preparou uma campanha de promoção da prevenção da violência contra as mulheres e da violência doméstica, explica Catarina Dias, secretária da junta de Marrazes e responsável pelo projecto, que tem o apoio do Município de Leiria.

“O 54' tem como objectivos principais promover a minimização e eliminação de comportamentos violentos e de representações e estereótipos subjacentes à violência contra as mulheres e promover mudanças de atitudes e comportamentos com vista à valorização do respeito e igualdade”, adianta Catarina Dias.

Estando em harmonia com a Estratégia Nacional para a Igualdade e a Não Discriminação 2018- 2030 Portugal + Igual, este projecto “pretende contribuir como medida de resposta ao problema de prevalência de situações de violência nas relações de intimidade identificado no Diagnóstico Social do Concelho de Leiria”, e ao “significativo aumento de crimes de violência doméstica verificados pelas forças de segurança conforme registado pelo Conselho Municipal de Segurança”, revela a responsável.

A campanha, que sairá para as ruas na segunda semana de Outubro, é o resultado do repto lançado a 54 pessoas, colectivos e instituições do campo artístico (essencialmente, da área de abrangência da Rede Cultura 2027), da intervenção social e outros de destaque e relevo na comunidade.

Num vídeo de exactamente 54 segundos, os autores vão ter de se expressar sobre a violência contra as mulheres e/ou a violência doméstica. Estes vídeos passaram todos os dias, de forma ininterrupta, durante 54 dias.

“No âmbito do projecto, vamos também desenvolver acções de sensibilização dirigidas a crianças e jovens de escolas da nossa União das Freguesias e uma acção de formação dirigido a técnicos e comunidade”, conta.

Ao longo do mês, os cidadãos poderão ser surpreendidos com inesperadas acções e performances como forma de sensibilização para a problemática.

 

Os números

153

De acordo com os dados disponibilizados pela PSP, foram registadas 153 ocorrências de violência doméstica no concelho de Leiria. À semelhança do panorama nacional, 90,10% das situações referem-se a vítimas do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 25 e os 54 anos (72.6%), que se encontram numa relação de conjugalidade ou equiparada com a pessoa agressora (52.2%), refere o Diagnóstico Social do Concelho de Leiria
 

200

O Centro de Atendimento as Vitimas de Violência Doméstica do Distrito de Leiria, desde o inicio da sua actividade (Fevereiro de 2007) regista, em média, 200 casos novos por ano. Em 2015, foram registados exatamente 214 casos novos, 123 referentes a residentes no concelho de Leiria
Assine Já Login

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?
Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.