Sociedade

Programa de Educação Alimentar e Vida Saudável abrange 6.000 alunos de Leiria

15 out 2015 00:00

Dia Mundial da Alimentação comemora-se esta sexta-feira, dia 16

programa-de-educacao-alimentar-e-vida-saudavel-abrange-6000-alunos-de-leiria-2259

A Câmara de Leiria vai assinalar o Dia Mundial da Alimentação, amanhã, dia 16, com a apresentação do Programa de Educação Alimentar e Vida Saudável, a desenvolver no ano lectivo 2015/2016 e que abrangerá mais de seis mil alunos.

O programa, que inclui a promoção de dez projectos, abrange 64 jardins-de-infância e 69 escolas do 1.º ciclo do ensino básico, num total de 6.170 alunos, refere a câmara em nota de imprensa.

Segundo Anabela Graça, vereadora da Educação, o Dia Mundial da Alimentação "é importante para relembrar e consciencializar a importância de uma alimentação saudável e equilibrada desde a infância", pois "prevenir problemas de saúde associados a uma má alimentação é a melhor estratégia para uma vida mais saudável".

Citada na nota de imprensa, a autarca adianta que o Programa de Educação Alimentar e Vida Saudável do Município de Leiria "pretende incutir no quotidiano dos alunos a prática de hábitos e comportamentos saudáveis, que permaneçam ao longo da vida".

O plano será realizado pela autarquia em parceria com as direcções das escolas e dos agrupamentos e envolverá outras entidades, como a Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Leiria, o Agrupamento de Centros de Saúde - ACeS Pinhal Litoral, a Rede das Bibliotecas Escolares e empresas.

O Programa de Educação Alimentar e Vida Saudável do Município de Leiria inclui o concurso Super-Heróis da Alimentação Saudável, a campanha de sensibilização Super-Heróis do Refeitório, a adesão ao projecto Heróis da Fruta - envolve seis escolas e cerca de 400 alunos -, a aplicação do programa Leiria Up - Qualidade de Vida e Sucesso Escolar e a dinamização do Gabinete de Apoio às Refeições Escolares (GARE), que irá monitorizar os refeitórios escolares.

"São ainda acolhidos projectos de estágios curriculares de alunos que frequentam cursos superiores em áreas como a Dietética e a Nutrição, que intervêm nas escolas de uma forma lúdico-pedagógica, através da dinamização de actividades interactivas para as crianças no domínio da alimentação saudável", lê-se ainda no comunicado.

A Câmara de Leiria salienta que "tem a preocupação de, a cada ano, promover acções de formação para as assistentes operacionais que trabalham nas cozinhas e refeitórios escolares, no sentido de melhorar o funcionamento das unidades e promover uma cultura de redução do desperdício alimentar".

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.