Sociedade

Pais de Alvaiázere ocupam lugar de professores na oferta complementar

27 fev 2019 00:00

Projecto distinguido como Escola Amigo da Criança.

pais-de-alvaiazere-ocupam-lugar-de-professores-na-oferta-complementar-9940
Maria Anabela Silva

De quinze em quinze dias, os docentes da Escola Básica de Alvaiázere e de Maçãs de Dona Maria, trocam de posição e sentam-se ao lado dos alunos. Acontece no tempo lectivo reservado à oferta complementar da escola, na qual o papel de professor é assumido por um pai ou outro familiar das crianças. E aí há espaço para as mais diversas actividades.

Essa hora tanto pode ser ocupada com uma sessão de leitura, jogos tradicionais, dramatização de histórias, culinária ou dança, como por trabalhos manuais, râguebi, bordados, confecção de queijos… Ou seja, o que a imaginação e o talento dos pais permitir.

O projecto Pais na Escola, que garantiu à EB de Alvaiázere uma menção honrosa atribuída pelo programa Escola Amiga da Criança, nasceu há três anos com o objectivo de aumentar a participação dos pais e encarregados de educação na vida escolar dos filhos.

Fátima Gonçalves, adjunta do Agrupamento de Escola de Alvaiázere, conta que a iniciativa surgiu no âmbito do plano nacional para a promoção do sucesso escolar. “Um dos problemas que identificámos estava relacionado com a pouca participação dos pais. Normalmente só vinham no momento das avaliações ou quando havia um problema”, refere a docente.

Três anos depois, a realidade é um pouco diferente. “Há uma grelha, que os pais preenchem conforme a sua disponibilidade, assumindo, quinzenalmente, a oferta completar. Quando não podem vir os pais, vem um avô, um tio ou um irmão mais velho”, conta Fátima Gonçalves, reconhecendo que se nota hoje um envolvimento “muito maior” da família.

“Não há milagres, mas o projecto tem tido o mérito de pôr pais e escola a trabalhar em conjunto.” Mãe de três filhos – um no pré-escolar e dois no 1.º ciclo -, Rita Gabriela também faz um balanço muito positivo do projecto, que o agrupamento está também a procurar estender ao 2.º ciclo, embora em moldes diferentes.

"Permitiu sintonizar os pais com a vida diária da esc

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO