Economia

Joaquim Menezes eleito presidente da Associação Europeia para as Fábricas do Futuro

6 mar 2018 00:00

EFFRA dinamiza a Parceria Público Privada Factories of the Future, a maior do Programa Horizonte 2020, com um financiamento europeu total de cerca de 1.150 milhões de euros

joaquim-menezes-eleito-presidente-da-associacao-europeia-para-as-fabricas-do-futuro-8251
Raquel de Sousa Silva

Joaquim Menezes foi eleito presidente da European Factories of the Future Research Association (EFFRA) durante a assembleia geral da associação realizada no passado dia 1, em Bruxelas. O presidente da Iberomoldes substitui no cargo o italiano Maurizio Gattiglio.

"Este é o resultado mais recente do trabalho que Portugal tem vindo a desenvolver a nível europeu na área do manufacturing e das tecnologias de produção”, particularmente na plataforma tecnológica Manufuture e também na EFFRA, e que tem contado com o envolvimento de empresários e instituições.

A Associação Europeia de Investigação para as Fábricas do Futuro foi criada em 2009 e dinamiza a Parceria Público Privada (PPP) Factories of the Future, em parceria com a Comissão Europeia.

Trata-se da maior PPP contratual do Programa Horizonte 2020, com um financiamento europeu total de cerca de 1.150 milhões de euros. “É a primeira vez que um português lidera uma iniciativa deste tipo”.

A associação reúne actualmente mais de 150 membros de vários países europeus, entre os quais empresas, associações empresariais, universidades e entidades de Investigação & Desenvolvimento e de interface, tais como Bosch, Siemens e Rolls Royce, entre muitas outras. Portugal está representado através do Centimfe e da Iberomoldes, do CEI, do INEGI, INESC TEC, INL e Sonae Indústria.

Presidente da Iberomoldes e da Iber-Oleff Portugal e Brasil, Joaquim Menezes é ainda presidente da incubadora Open, da European Tooling Platform e da ISTMA Europa (International Special Tooling and Machining Association), além de outros cargos.

Entre outras homenagens, foi agraciado pela Presidência da República com a Comenda de Mérito Industrial e com o Prémio General Pierre Nicolau 2011 da Academia Internacional para a Engenharia da Produção (CIRP).

 

 

 

 

 

EVENTOS