Sociedade

Greve de funcionários judiciais encerra tribunais na Comarca de Leiria

4 dez 2018 00:00

Os oficiais de justiça iniciaram uma greve a tempo parcial a 5 de Novembro, que termina a 31 de Dezembro.

greve-de-funcionarios-judiciais-encerra-tribunais-na-comarca-de-leiria-9542

A greve dos funcionários judiciais da Comarca de Leiria, que dura hoje o dia inteiro, levou ao encerramento de alguns tribunais e noutros apenas está a ser cumprido o serviço mínimo obrigatório, informou fonte sindical.

Segundo o delegado sindical, Sérgio Silva, os tribunais de Ansião, do Trabalho (Leiria) e Local Cível estão encerrados por falta de funcionários. "Houve várias diligências adiadas e na maioria dos tribunais estão apenas a ser cumpridos os serviços mínimos obrigatórios, para dar despacho a casos urgentes", explicou, acrescentando que, à excepção de Peniche (40 a 50%), a adesão à grave é superior aos 90%.

Também o Departamento de Investigação e Acção Penal (DIAP) da Comarca de Leiria está a funcionar nos "mínimos".

Durante a manhã, cerca de duas dezenas de funcionários concentraram-se à porta do Tribunal de Leiria, em mais uma cação de protesto e chamada de atenção.

"Queremos a melhoria dos quadros e o reinício das negociações com o Ministério da Justiça, suspensas em maio. Queremos a renegociação do estatuto, melhores condições de trabalho e aumento do quadro de pessoal, que tem diminuído nos últimos anos com a saída de muita gente." 

Os oficiais de justiça iniciaram uma greve a tempo parcial a 5 de Novembro, que termina a 31 de Dezembro, para exigir a revisão do estatuto, melhores condições de trabalho e abertura de concursos para admissão de mais funcionários.

EVENTOS