Economia

Distrito de Leiria recebe três novos parques para madeira queimada

23 mar 2018 00:00

Além dos novos parques, muitos outros serão ampliados, nomeadamente na região de Leiria

distrito-de-leiria-recebe-tres-novos-parques-para-madeira-queimada-8369
Raquel de Sousa Silva

Leiria, Marinha Grande e Figueiró dos Vinhos são os três concelhos do distrito que vão receber novos parques para armazenamento de madeira queimada.

Segundo informação da Associação das Indústrias de Madeira e Mobiliário de Portugal (AIMMP), também Ourém vai acolher uma destas infra-estruturas, que visam promover o aumento da capacidade instalada de parqueamento de pinho, na sequência dos incêndios que queimaram centenas de hectares de floresta.

Além dos impactos ambientais e ecológico, os incêndios resultaram numa elevada quantidade de madeira ardida que “importa valorizar”, pelo que em Fevereiro deste ano o Instituto de Conservação da Natureza (ICNF) lançou um concurso para a criação de parques de madeira queimada ou ampliação dos já existentes, “minimizando efeitos disruptivos nos mercados, nomeadamente ao nível do seu impacto nos produtores florestais e contribuindo para a sustentabilidade do abastecimento das indústrias consumidoras”.

A AIMMP e alguns dos seus associados com interesse em armazenar madeira celebraram um contrato de consórcio, que apresentou candidatura ao projecto no mês passado, que viu aprovada.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO
EVENTOS