Sociedade

Descoberta que pode eliminar diabetes tipo 2 tem mão de leiriense

26 jan 2018 00:00

Maria Guarino é professora no IP Leiria

descoberta-que-pode-eliminar-diabetes-tipo-2-tem-mao-de-leiriense-8022
Maria Anabela Silva

Docente no Instituto Politécnico de Leiria, Maria Guarino é uma das investigadoras responsáveis pela descoberta de um método que pode controlar a diabetes tipo 2 através de um dispositivo bioeletrónico.

O avanço aparece agora publicado na Diabetologia, a revista oficial da Sociedade Europeia para o Estudo da Diabetes. Desde 2009 que Maria Guarino tem vindo a trabalhar com Sílvia Conde, investigadora principal do projecto, na hipótese de o corpo carotídeo – um pequeno órgão localizado no pescoço - poder estar envolvido no aparecimento da diabetes mellitus, tipo 2.

Em 2013, a investigação provou em animais de laboratório que, “se impedirmos os corpos carotídeos de enviar mensagens ao cérebro, conseguimos prevenir o aparecimento de diabetes em ratos”.

Nessa fase do projecto entrou em cena a farmacêutica Glaxo Smith Kline (GSK), que “estava a desenvolver um medicamento bioelectrónico, que poderia ter aplicação na disfunção do corpo carotídeo”, conta Maria Guarino.

A parceria com a farmacêutica conduziu a um novo progresso na investigação. “O que fizemos foi implantar eléctrodos nos corpos carotídeos de ratos, com um interruptor que liga ou desliga o eléctrodo. Verificámos que conseguimos tratar a doença quando ligamos o dispositivo médico e fazer a doença regressar quando o desligamos”, explica a investigadora.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO