Sociedade

Crianças criaram mascote para Quinta do Alçada

19 jan 2020 10:00

O bairro é teu amigo" dizem jovens do projecto Sob o Mesmo Céu

Iniciativa promove inclusão social pela Arquitectura, Artes Visuais e Audiovisual
Iniciativa promove inclusão social pela Arquitectura, Artes Visuais e Audiovisual
Jacinto Silva Duro
Iniciativa promove inclusão social pela Arquitectura, Artes Visuais e Audiovisual
Iniciativa promove inclusão social pela Arquitectura, Artes Visuais e Audiovisual
Jacinto Silva Duro
Iniciativa promove inclusão social pela Arquitectura, Artes Visuais e Audiovisual
Iniciativa promove inclusão social pela Arquitectura, Artes Visuais e Audiovisual
Jacinto Silva Duro
Jacinto Silva Duro

Junto à Igreja dos Pastorinhos, na Quinta do Alçada, na freguesia de Marrazes, Leiria, o "senhor Alçada" dá as boas-vindas a quem chega a um dos mais multiculturais bairros da cidade.

A personagem, nova mascote da Quinta do Alçada, domina o largo da igreja do alto de um painel de madeira, construído pelas crianças, que vivem na urbanização e participam no projecto Sob o Mesmo Céu, promovido pela InPulsar-Associação para o Desenvolvimento Comunitário.

O “senhor Alçada” foi colocado na zona central do bairro, num triângulo entre um templo católico, a Igreja dos Pastorinhos, a Igreja Evangélica e a mesquita.

"Os meninos avaliaram os espaços mais valorizados pela comunidade e chegaram à conclusão que esta área seria a indicada para colocar estas mensagens."

"O bairro é teu amigo", "é multicultural", “espero que gostes", são alguns dos dizeres. Há placas com forma de peixe - "a quinta é fixe" -, e de outros animais.

Há também a abreviatura da Quinta do Alçada - QDA -, que, pelas mãos das crianças se transformou numa versão mais hip-hop: KDA.

Andrey tem 8 anos e escolhe como mensagem favorita "o bairro é simpático" e, para ele, o expoente da simpatia na “KDA” é o Ivan.

"É o meu melhor amigo", diz, de sorriso rasgado. Já Francisco, tem 14 anos, é fã de skate, e ajudou a pintar as pernas da mascote. "A Quinta é um sítio de convívio entre as pessoas!", lança.

Ao seu lado, António, 10 anos, de aparafusadora em punho, abana a cabeça assertivamente enquanto faz uma pose típica de James Bond.

Das suas mãos materializaram-se quatro das mensagens: "fiz a baleia que diz 'muitos amigos'", e também a dos ‘melhores vizinhos’, e a das ‘pessoas felizes’ e...” Não consegue encontrar a quarta, mas ela está por ali, entre a cabeça e as pernas do senhor Alçada.

Inclusão pela arte
Arrancou em Janeiro de 2019 e terá a duração de três anos. O Sob o Mesmo Céu está integrado no projecto de intervenção social Redes na Quint@. Conta com o financiamento da iniciativa Partis, da Fundação Calouste Gulbenkian, e actua na área da inclusão social pela arte, através de três práticas artísticas com parceiros locais: Arquitectura, com o Colectivo Til, Artes Visuais, com o Uivo, e Audiovisual, com a Casota Collective 

"Feliz" e "contente" foram as características que Charazede, 9 anos, descortinou na Quinta do Alçada. Está há pouc

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO
EVENTOS