Sociedade

Cerejeiras de jardim substituem laranjeiras no Terreiro

11 abr 2016 00:00

Autarquia justifica medida com queixas de que as laranjas eram usadas para atirar contra um imóvel no largo do Terreiro.

cerejeiras-de-jardim-substituem-laranjeiras-no-terreiro-3717
Jacinto Silva Duro

As laranjeiras que estão a ser cortadas no Largo Cândido dos Reis (Terreiro), em Leiria, serão substituídas por árvores da espécie Prunus Cerasifera Kansam, vulgarmente conhecida por cerejeira de jardim.

A Câmara de Leiria explica que a intervenção surgiu na sequência de “queixas por parte de munícipes que relatavam episódios de vandalismo, em que eram atiradas laranjas contra o imóvel daquela zona, prejudicando o património edificado”.

O município alega ainda haver reclamações relativas à queda das laranjas e com o “aprodecimento do fruto” nos passeios.


“O assunto foi analisado e o que está previsto é o corte das 40 laranjeiras que serão de imediato e na sua totalidade substituídas pela mesma quantidade da espécie Prunus Cerasifera kansam, mais conhecida por cerejeira de jardim”, acrescenta a Câmara.