Desporto

Apenas 18 jogadores no plantel espicaça aposta do Marinhense nos jovens

11 jul 2019 00:00

Projecto “inovador” quer promover lançamento da prata da casa sem perder competitividade no regresso ao Campeonato de Portugal, em futebol.

apenas-18-jogadores-no-plantel-espicaca-aposta-do-marinhense-nos-jovens-10449

Na terça-feira começam os trabalhos do plantel sénior do Atlético Clube Marinhense. Neste regresso às competições nacionais, e depois do título distrital em 2018/19, o objectivo número um da equipa agora orientada por Rui Rodrigues será uma “prova calma” e a “manutenção” no terceiro escalão do futebol português, o denominado Campeonato de Portugal.

No entanto, o clube da Portela tem outro desafio em mãos, que até é auto-proposto. A Direcção encabeçada por Bruno Ferreira decidiu estabelecer o máximo de 18 jogador no plantel principal, crente que tal limite irá potenciar a aposta nos jovens talentos da formação.

“Quando convidámos o Rui Rodrigues para treinador, foi com o objectivo de apostar na juventude e sobretudo na prata da casa”, explica Bruno Ferreira, que em Abril trocou de posição com Mário Fernandes na Direcção do clube da Portela. Do plantel de sub-23, que irá ter 26 jogadores, “muitos dos quais dão garantias de futuro”, “seis treinarão diariamente com o grupo principal”.

Como “há sempre lesões e castigos, de certeza que haverá sempre sub-23 na convocatória”, diz o presidente. Já o plantel de juniores, que militará na 2.ª Divisão nacional do escalão, terá outros 25 atletas e o objectivo é que alguns também joguem na equipa hierarquicamente acima.

Menos recursos

A ideia é “claramente inovadora” e vem ao encontro da aposta feita na equipa de sub-23 que subiu de divisão e que na época que agora arranca irá disputar o principal escalão do futebol distrital de seniores, um “patamar já muito competitivo”.

“Actualmente, os recursos são menores. Os moldes já tiveram uma fase boa, mas diz-se que a partir de 2020 irão sofrer um decréscimo e é de lá que vem a maior parte dos nossos apoios”, explica o responsável. Por isso, é hora de ser cauteloso e de procurar soluções “engenhosa

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO