Sociedade

António Sales e Raul Castro reuniram com ministra da Saúde para falar do hospital de Leiria

6 mar 2019 00:00

Deputado e autarca trouxeram promessas de resolução dos problemas.

antonio-sales-e-raul-castro-reuniram-com-ministra-da-saude-para-falar-do-hospital-de-leiria-9960

Em comunicado, António Sales, deputado eleito pelo distrito pelo Partido Socialista,informa que, hoje, dia 6, em conjunto com Raul Castro, presidente da Câmara Municipal de Leiria e presidente da Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria, estiveram hoje reunidos com a ministra da Saúde, Marta Temido, para abordar os problemas e necessidades na área da saúde do distrito, tendo "dedicado particular enfoque à situação preocupante no serviço de urgência do Centro Hospitalar de Leiria".

A demissão do presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar de Leiria, Helder Roque, foi outro dos temas abordados.

Os representantes referem que a ministra reconheceu as dificuldades existentes e prometeu "empenho na realização de várias intervenções imediatas que são necessárias para melhorar as condições e a capacidade de resposta  do serviço de urgência, e que implicam um reforço calendarizado de recursos com vista à resolução problema". 

Para António Sales, as medidas devem incluir "uma maior articulação com os cuidados primários, nomeadamente com o alargamento de horários em centros de saúde estratégicos, bem como uma optimização da dotação de camas instaladas nos serviços, de forma a permitir uma maior fluidez de doentes de urgência para o internamento. É também fundamental uma melhor articulação com a rede de cuidados continuados e com as equipas de gestão de altas de forma a criar condições para uma maior rotação de internamentos".

Ainda segundo o deputado do PS, Marta Temido terá também assumido que, em relação às outras necessidades estruturais do Centro Hospitalar de Leiria vão igualmente "ser desencadeadas várias acções tendentes a resolver de forma programada essas necessidades, comprometendo-se a desencadear a nível institucional, envolvendo a ARS centro e o CHL, as diligências necessárias à execução das medidas indispensáveis".

 

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.