Opinião

Oportunidade perdida

18 set 2017 00:00

Costa, apesar de afável e popular, representou uma fugaz e efémera ameaça ao atual presidente da Câmara de Leiria.

Não há sombra de dúvidas, e já o havia escrito há uns meses neste jornal, que o dinossauro político, Fernando Costa, apresentado pelo PSD como candidato à presidência da Câmara de Leiria, constituiu uma aposta mais credível que a alternativa, completamente caricata e patética, que seria a apresentação do (auto)candidato Barreiras Duarte.

O ex-presidente da Câmara caldense pregou um susto ao, também, animal político, Raul Castro, na medida em que é, também ele, um autarca com longa experiência no sul do distrito, e em Loures, onde fez um «pacto com o diabo» que terá levado Passos Coelho a excluí-lo das listas de deputados (foi, aliás, o único líder distrital do PSD a ser excluído em todo o país).

No entanto, Costa, apesar de afável e popular, representou uma fugaz e efémera ameaça ao atual presidente da Câmara de Leiria. Mesmo estando Castro prestes a cometer erros (ainda a tempo de serem evitados), nomeadamente a construção do pavilhão multiusos, ainda para mais junto ao estádio, e a localização da loja do cidadão no edifício da antiga Zara, Costa nada fez para merecer a confiança do eleitorado.

Os eleitores não vão, seguramente, dar o lugar de presidente ao candidato do PSD que se limita a comer tremoços e beber uns copos de vinho em festas e arraiais. Com esta campanha eleitoral, Costa não demonstrou ser alternativa credível a Castro.

Além do mais, a lista de vereadores de Fernando Costa é muito fraca, acresce que os candidatos do PS às Juntas (e Assembleias) de Freguesia são, regra geral, melhores do que os candidatos do PSD, nomeadamente, Isabel Afonso/Arlindo Francisco em Marrazes-Barosa, José Carlos Matias/José Ferreira em Parceiros e Azoia, José Cunha/Elisabete Felizardo em Leiria-Pousos-Barreira e Cortes.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO