Opinião

Cinema | Realidade paralela

4 abr 2020 13:19

Faz por esta altura 15 dias que o festival de cinema em Leiria terminou.

Em Leiria as noites foram quentes, pareciam aquelas noites de verão em que dá para andar de t-shirt, as sessões terminavam uma após a outra e ninguém arredava pé, parecia mesmo que as pessoas estavam a gostar daquilo!

Os convidados não tinham mãos para tanta pergunta do público e todas interessantes, diga-se.

Tirando uma, que não percebi bem, alguém perguntou se não tiveram medo de vir por causa do vírus.

Não percebi, mas com tanta pergunta, ninguém reparou que aquela ficou por responder.

Na Batalha, tivemos muita sorte com os dias de sol, mas que durante as sessões se encobria, como quem diz: “larga lá a esplanada e vai mas é para dentro da sala ver filmes”.

Nos intervalos das sessões, aquelas belas sandes de presunto do Brogueira, sempre com o Mosteiro à nossa frente.

Os convidados, que já tinham ficado loucos com o Castelo de Leiria, quando viram aquele Mosteiro, derreteram-se.

Salas cheias, sempre a abarrotar para ver filmes.

Desde 2013, em que esta aventura começou, nunca pensei que viesse a crescer desta maneira, foi realmente gratificante.

Agora é arregaçar as mangas e começar a prepara a nova edição.

Outras coisas bonitas aconteceram entretanto em Leiria e na Batalha, mas cada um fala dos seus, não é?

Parece que agora está aí a chegar uma virose qualquer, se isto fica pior, ainda a malta vai ter de cancelar os eventos que se seguem.

Felizmente para nós que o festival já aconteceu e já não estamos nesse barco.

Nem quero imaginar... o prejuízo que se ia ter, para não falar da trabalheira.

Enfim, nem é bom pensar.

Tivemos sorte!

Faz por esta altura 15 dias que o festival de cinema em Leiria podia ter acontecido.  

Texto escrito segundo as regras do Acordo Ortográfico de 1990

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.