Sociedade

Suspeito de violência doméstica internado compulsivamente

8 mar 2019 00:00

Prisão preventiva decretada pelo Tribunal de Leiria deverá ser cumprida na psiquiatria do Hospital de Santo André

suspeito-de-violencia-domestica-internado-compulsivamente-9978

O juiz de instrução criminal do Tribunal de Leiria decretou o internamento compulsivo a um suspeito de violência doméstica agravada.  

Segundo a nota da página da Procuradoria da Comarca de Leiria, “verificando-se a existência de perigo de continuação de actividade criminosa, no âmbito do primeiro interrogatório judicial, foi determinado que o arguido aguardasse os trâmites do processo sujeito em prisão preventiva”.  

“Mais se decretou que o arguido fosse de imediato conduzido à urgência psiquiátrica do hospital de Leiria, com vista a eventual internamento compulsivo, devendo nesse caso o mesmo ser mantido em internamento preventivo”, informou o Ministério Público de Leiria.  

De acordo com os autos, em 2018 e 2019, por diversas vezes, o suspeito “dirigiu-se à sua mãe, com 81 anos e que padece de doenças que afetam a sua capacidade motora, e injuriou-a e ameaçou-a, causando-lhe um sentimento de insegurança”.  

Ao arguido foi diagnosticada perturbação borderline da personalidade e bipolaridade.

A investigação prossegue sob direção do Ministério Público do Departamento de Investigação e Acção Penal de Porto de Mós, com a coadjuvação do Destacamento Territorial da Batalha da GNR.

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.