Sociedade

Munícipe de Pombal multado por protestar

20 jul 2018 00:00

Câmara apresentou queixa e GNR multou.

municipe-de-pombal-multado-por-protestar-8974
Paula Sofia Luz

Era só um protesto, a paciência a chegar ao limite, dois anos passados desde que os trabalhos para o saneamento básico deixaram em mau estado a rua por onde Henrique Cordeiro Feteira passa todos os dias.

No dia 2 de Julho, o jovem munícipe da aldeia de Malhos (Pombal) resolveu chamar a atenção das autoridades e da população para o mau estado da via, que liga as aldeias de Motes e Malhos, na freguesia de Pombal.

Partiu uns ramos de eucalipto e plantou-os nos imensos buracos da estrada. A façanha resultou. Um dia depois os serviços municipais taparam cada um dos buracos, para satisfação do autor do protesto e dos populares que, diariamente, utilizam a estrada. Henrique usou o facebook (como já fizera para mostrar a ‘plantação’) para “agradecer em nome de toda a população”.

Mas a rapidez da Câmara de Pombal não se ficou por aí. Dias depois, a GNR vai a casa do jovem. Como não estava, deixa um recado aos pais, intimando-o a dirigir-se ao posto. Quando lá chegou, havia uma surpresa para ele: um processo de contra-ordenação, com base na denúncia efectuada (por e-mail) pelo Município de Pombal.

De acordo com o auto, em causa estava “a plantação de eucaliptos na faixa de rodagem da rua principal dos Motes”, sendo que tal representa, segundo aquela força de autoridade, “uma infracção à liberdade de trânsito, prevista e punida pelo código da estrada”.

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO