Sociedade

Mulher Século XXI alerta para vítimas secundárias da violência

2 ago 2019 00:00

Crianças sofrem com maus-tratos ao adulto

mulher-seculo-xxi-alerta-para-vitimas-secundarias-da-violencia-10540

O Centro de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica do Distrito de Leiria registou 95 casos novos no primeiro semestre de 2019.

Segundo dados da Associação Mulher Século XXI, 92% eram mulheres (87) e 8% homens (8). A maioria dos maus-tratos foram infligidos pela pessoa com quem tinham uma relação de intimidade: companheiros ou ex-namorados.

Susana Ramos Pereira, coordenadora da Mulher Século XXI, revela que “não se pode dizer que os casos aumentaram, mas a procura é que foi maior e os casos que chegam têm maior gravidade”.

A responsável considera que as vítimas “perderam a vergonha - mas não o medo”, fruto da divulgação das políticas de protecção e da mediatização de casos de homicídio conjugal. “Revêem-se nessas situações.”

“No nosso acolhimento de emergência, 29 mulheres estavam acompanhadas de 22 crianças. Temos de olhar para os filhos como vítimas secundárias, que são muito afectados com a violência doméstica e que também necessitam de apoio”, alerta Susana Ramos Pereira.

A coordenadora salienta que só se fala das vítimas que sofrem os maus-tratos, mas “não se podem esquecer as crianças, que muitas vezes defendem a mãe e acabam elas também por sofrer agressões”, mesmo que apenas verbais.

“Assistem a toda a violência e são também vítimas, pelo que têm de ser tratadas como tal. É necessário dar-lhes ferramentas e trabalhar desde muito cedo” para evitar que a violência se propague mais tarde.

Susana Ramos Pereira reforça que há “muita violência no namoro e os jovens nem se apercebem”.

Em acções de sensibilização que são realizadas, quando são dados exemplos de maus-tratos, “há sempre alguém que diz que já levou

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO