Viver

Luís Portela apresenta "O Prazer de Ser" quinta-feira na Arquivo

2 nov 2015 00:00

Fundador da maior farmacêutica portuguesa aborda a solidariedade, a tolerância e a justiça

Luís Portela é o fundador da farmacêutica Bial e tem escrito sobre a condição humana (Foto: Ricardo Graça)
Jacinto Silva Duro

Luís Portela vai estar na quinta-feira, às 18:30 horas na Arquivo Livraria, em Leiria, para apresentar o seu livro O Prazer de Ser.

Uma obra e um encontro imperdíveis sobre um "caminho que ajuda o homem a sentir-se parte de um todo onde a solidariedade, a tolerância e a justiça são as traves mestras da existência humana".

Luís Portela nasceu em 1951 no Porto, onde se licenciou em Medicina. Exerceu actividade clínica apenas durante três anos e foi durante seis docente universitário.

Aos 21 anos iniciou a sua actividade empresarial e aos vinte e sete assumiu a presidência daquele que entretanto se tornou um dos maiores grupos farmacêuticos ibéricos - a Bial. Em 1994, criou a Fundação Bial, que além de conceder Bolsas de Investigação Científica, atribui um dos maiores prémios europeus na área da Saúde.

É comendador da Ordem do Mérito, de que mais tarde veio a receber a grã-cruz. É também professor honorário da Universidade de Cádiz, em Espanha. Em 1998, foi distinguido com o Prémio de Neurociências da Louisiana State University, nos E.U.A.

Colabora regularmente na comunicação social, tendo publicado vários títulos: Para Além da Evolução Tecnológica, À Janela da Vida, Esvoaçando ou Serenamente, entre outros.