Desporto

Ginastas vão ao mundial com fato desenhado por mãe de colega

15 nov 2018 00:00

Atletas do Trampolins Clube de Leiria disputam mundial na Rússia

ginastas-vao-ao-mundial-com-fato-desenhado-por-mae-de-colega-9478

Diana Silva, Margarida Amado, Maria Carvalho e Rita Vieira estão em São Petersburgo, na Rússia para disputarem o Campeonato do Mundo por Grupos de Idade 2018. Com poucos apoios para a representação lusa na terra da perestroika, Cátia Carril decidiu desenhar e confeccionar os fatos que as jovens do Trampolins Clube de Leiria vão vestir durante a competição.

Mas o que levou esta arquitecta de interiores e empresária a tomar esta decisão? Cátia Carril é mãe de um jovem atleta do clube, mas conhece bem as dificuldades da falta de patrocínios. Ex-campeã nacional e distrital de patinagem artística, Cátia Carril é uma das responsáveis pela Glam Skaters, uma empresa com sede em Leiria, que se dedica ao sector do desenho e confecção de fatos de patinagem artística e ginástica, totalmente personalizados.

“Fui atleta de alta competição e sei o que passei na idade delas. Julgo que na ginástica até é mais difícil encontrar apoios do que na patinagem. São os pais, na maioria das vezes, que têm que suportar todos os custos”, conta Cátia Carril.

A empresária acrescenta: “já no ano passado me tinha apercebido das dificuldades e como tenho uma marca que patrocina alguns atletas a nível internacional ofereci os fatos e este ano não poderia deixar de o fazer de novo. É de coração.”

Cátia Carril explica que no ano passado, as jovens levaram os maillotsalusivos às quinas, como a sua representação nacional. “Este ano quis que tivessem algo relacionado com a cidade que também representam e, além das cores alusivas a Portugal, têm o desenho de uma flor do Lis.”

Recordando os seus tempos de patinadora, a empresária sublinha que estas competições “deixam marcas para toda a vida”.

“É o meu pequeno contributo e um alento para aquilo por que estão a lutar. Mais importante do que as medalhas, são as experiências e os contactos que ficam para toda a vida.”

O talento e a paixão pelo desenho de fatos herdou-a da mãe, que confeccionou todos os seus trajes quando patinava. “A minha vida foi sempre ligada à patinagem e os meus pais sempre me acompanharam para todo o lado. Sei o quanto ser atleta de alta competição condiciona a vida de toda a família”, acrescenta a ex-atleta do Benfica e Ginásio de Odivelas.

Pódio é objectivo

Já na Rússia, Rui Branco, treinador das atletas do TCL, acredita que atingir as finais é um objectivo possível e, a partir daí, o pódio não &eacu

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.