Sociedade

Escuteiros de Leiria descem o Lis de canoa

22 abr 2016 00:00

Iniciativa pretende alterar para o potencial do curso de água

Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Fotografia: Remar Contra a Corrente I
Jacinto Silva Duro

Veja a fotogaleria da descida em 2015

No próximo fim-de-semana, dias 23 e 24, um grupo de 22 escuteiros vai descer o rio Lis, de Leiria à Praia da Vieira de canoa, à semelhança do que aconteceu no ano passado. Promovida pelo Clãs (escuteiros dos 18 aos 23 anos) dos Agrupamentos da Sé de Leiria e Pousos, a iniciativa Remar Contra a Corrente II e pretende sensibilizar a comunidade para o potencial do rio Lis, a importância da sua preservação ecológica, o papel que desempenha na região e que é possível utilizá-lo para a realização de actividades lúdicas/turísticas.

A actividade contará novamente com o apoio dos Bombeiros Voluntários de Leiria e do Núcleo de Resgate Aquático dos Bombeiros Voluntários da Vieira de Leiria, bem como de várias empresas da região, que fornecerão parte da alimentação.

A organização pretende, em anos futuros, alargar a participação à comunidade em geral e continuar a chamar a atenção para o incrível recurso que o rio Lis é, e todas as oportunidades que oferece.

Leia mais na edição impressa ou torne-se assinante para aceder à versão digital integral deste artigo