Covid-19

Covid-19: Nazaré e Peniche em risco muito elevado e Alcobaça, Batalha, Bombarral, Leiria, Óbidos, Pedrógão Grande e Porto de Mós passaram para elevado

15 jul 2021 15:09

A partir de hoje, há novas regras para vários concelhos do distrito de Leiria

covid-19-nazare-e-peniche-em-risco-muito-elevado-e-alcobaca-batalha-bombarral-leiria-obidos-pedrogao-grande-e-porto-de-mos-passam-para-elevado
Aumento de casos de contágio tem sido uma constante nas últimas semanas
Martin Sanchez@Unsplash

Devido ao aumento do número de infectados pelo coronavírus SARS-CoV-2, em todos o País, o Governo anunciou hoje os concelhos que passam a ter medidas mais fortes de contenção da pandemia. 

Na semana passada a Nazaré, por ter registado, duas vezes seguidas mais de 240 casos por 100 mil habitantes - ou 480 casos nos concelhos de baixa densidade populacional - passou para o grupo dos municípios em “risco muito elevado”, grupo onde de mantém esta semana e onde passa a ter a companhia do município de Peniche.

Bombarral e Óbidos que se encontravam em “risco elevado”, por terem tido duas vezes seguidas mais de 120 casos por 100 mil habitantes - ou 240 casos nos concelhos de baixa densidade populacional -, mantêm no mesmo grupo de concelhos, mas agora recebem, como se previa devido ao crescimento dos números de novas infecções, vários outros municípios do distrito de Leiria. São eles Alcobaça, Batalha, Leiria, Pedrógão Grande e Porto de Mós.

Caldas da Rainha mantém-se “em alerta”, juntamente com Marinha Grande e Ourém (concelho do distrito de Santarém), que tiveram mais de 120 casos por 100 mil habitantes, embora mantenham as regras que entraram em vigor a 14 de Junho.

Na Nazaré, em Peniche e nos restantes concelhos nacionais em “risco muito elevado”, as regras a partir de hoje são as seguintes:

- Teletrabalho obrigatório quando as actividades o permitam,
- Restaurantes, cafés e pastelarias podem funcionar até às 22:30 horas (no interior, com um máximo de seis pessoas por grupo, com apresentação de teste ou certificado Covid; em esplanada, dez pessoas por grupo);
- Espectáculos culturais até às 22:30 horas;
- Casamentos e baptizados com 25% da lotação;
- Ginásios sem aulas de grupo e permitidas modalidades desportivas de baixo e médio risco;
- Comércio a retalho até às 21 horas durante a semana. Aos fins-de-semana e feriados, retalho alimentar até às 19 horas e não-alimentar até às 15:30 horas;
- Limitação da circulação na via pública a partir das 23 horas.

Nos concelhos de maior risco os restaurantes tinham de encerrar a partir das 15:30 horas, porém, a partir de hoje e com a apresentação do certificado digital de vacinação anti-Covid ou de teste negativo, de sexta a domingo, passam a poder estar abertos até às 22:30 horas.

O documento passa também a ser obrigatório para turismo e alojamento local em todo o País.

Em Alcobaça, Batalha, Bombarral, Leiria, Óbidos, Pedrógão Grande e Porto de Mós, e nos restantes concelhos de “risco elevado”, o Governo estabelece o seguinte:

- Teletrabalho obrigatório quando as actividades o permitam,
- Restaurantes, cafés e pastelarias podem funcionar até às 22:30 horas (no interior, com um máximo de seis pessoas por grupo; em esplanada, dez pessoas por grupo);
- Espectáculos culturais até às 22:30 horas;
- Comércio a retalho até às 21 horas;
- Limitação da circulação na via pública a partir das 23 horas.

Nos concelhos “em alerta” - Caldas da Rainha, Marinha Grande e Ourém -, mantêm-se em vigor as regras que entraram em vigor a 14 de Junho. 

- Teletrabalho recomendado nas actividades que o permitam;
- Restaurantes, cafés e pastelarias (máximo de seis pessoas no interior ou dez pessoas em esplanadas) até à meia-noite para admissão e 1 hora para encerramento;
- Comércio com horário do respetivo licenciamento;
- Transportes públicos com lotação de dois terços ou com a totalidade da lotação nos transportes que funcionem exclusivamente com lugares sentados;
- Espectáculos culturais até à meia-noite;
- Salas de espectáculos com lotação a 50%;
- Fora das salas de espectáculo, com lugares marcados e com regras a definir pela DGS.
- Escalões de formação e modalidades amadoras com lugares marcados e regras de acesso definidas pela DGS;
- Recintos desportivos com 33% da lotação;
- Fora de recintos aplicam-se regras a definir pela DGS.

Segundo o mapa de risco apresentado hoje pelo Governo, há hoje 30 concelhos em alerta. São menos quatro do que na semana passada, porém, os municípios em risco elevado aumentaram e são 43 (sete são do distrito de Leiria), contra os 27 de há oito dias.

Em risco muito elevado estão 47 concelhos, incluindo dois do distrito de Leiria.

A ministra do Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva, disse hoje que o pico de contágio já deverá ter sido atingido.
Assine Já Login

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?
Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.