Sociedade

Candidatos à Batalha querem isenção de portagens na A19

22 set 2017 00:00

Debate das eleições autárquicas, organizado pelo JORNAL DE LEIRIA, foi segunda-feira

candidatos-a-batalha-querem-isencao-de-portagens-na-a19-7173
Jacinto Silva Duro

A opinião foi unânime: os candidatos à Câmara Municipal da Batalha defendem que não deviam existir portagens na A19, para desviar o trânsito da frente do Mosteiro da Batalha, que se tem vindo a degradar.

No debate que o JORNAL DE LEIRIA promoveu esta segundafeira, Paulo Batista Santos (PSD), que se recandidata à presidência da autarquia, adiantou que isso não é possível enquanto a estrada estiver concessionada. Por isso, por agora, serão colocadas barreiras acústicas no IC2 em frente ao monumento, o que, não sendo a solução, “minimiza” o problema.

Horácio Moita Francisco (CDSPP) defendeu que devia ser criado um movimento associativo para defender aquela causa. “O Oeste tem isenção de portagens. Como? Com o movimento associativo. Lutaram e conseguiram”, disse.

O mosteiro é o terceiro monumento mais visitado do País. Mas o número de dormidas na vila não tem aumentado. Carlos Repolho (PS) defendeu que para atrair turistas é preciso “ter uma paisagem mais bonita”, mas disse que o “restante território do concelho não é apelativo”.

José Valentim (CDU) referiu que existem, no concelho, “enormes possibilidades”. O candidato considera que poderiam ser feitas parcerias com colectividades utilizando “espaços que estão abandonados”.

 

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO