Economia

Cabo Verde na Marinha Grande para aprender com os “melhores”

25 jul 2019 00:00

O governo cabo-verdiano estabeleceu protocolos de modo a tirar partido da experiência e poder levá-la para Cabo Verde contribuindo para a educação dos jovens.

cabo-verde-na-marinha-grande-para-aprender-com-os-melhores-10506

Uma comitiva empresarial, acompanhada pelo vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças de Cabo Verde, Olavo Correia, visitou a Marinha Grande para “aprender com os melhores”.

Com o objectivo de conhecer o tecido empresarial e formação profissional da região, nomeadamente a área da metalomecânica, o governo cabo-verdiano estabeleceu protocolos de modo a tirar partido da experiência e poder levá-la para Cabo Verde contribuindo para a educação dos jovens.

“Queremos ser um centro comercial industrial e formar jovens caboverdianos em toda a indústria. Nada melhor do que aprender com os melhores, com aqueles que estão numa fase mais avançada e têm uma experiência de sucesso.”

As palavras são do vice-primeiro ministro de Cabo Verde, que pretende impulsionar a educação dos jovens do seu país. Olavo Correia destaca a importância de “diversificar a economia” de Cabo Verde, assente, essencialmente, no turismo.

“Depender de apenas um sector torna o país vulnerável. O emprego criado é, muitas vezes, mal remunerado e pouco qualificado. Queremos aproveitar o turismo como escala para ter indústria, transportes aéreos, sistemas financeiros, tecnologias e comunicação, tendo assim jovens cabo-verdianos empregados como contabilistas, engenheiros, arquitectos, juristas, advogados, gestores, bem remunerados e com uma vida melhor. “

O governante pretende garantir um “quadro de cooperação, que permita condições para formar jovens em Cabo Verde”, nomeadamente na área da metalomecânica, existindo um “quadro financeiro definido”.

“Também criará oportunidades de emprego em Portu

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO