Sociedade

Avião Canadair despenha-se em Pedrógão Grande (actualizada)

20 jun 2017 00:00

Afinal, não caiu avião algum

aviao-canadair-despenha-se-em-pedrogao-grande-actualizada-6675
Jacinto Silva Duro

Um avião Canadair de combate aos incêncios, que operava no fogo de Pedrógão Grande, caiu hoje à tarde, disse fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil à agência Lusa.

A mesma fonte informou que se encontra a caminho do local um helicóptero do INEM.

O Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) indicou à Lusa que foi informado da queda da aeronave na zona de Pedrógão Grande, durante esta tarde, acrescentado que uma equipa deste organismo vai deslocar-se para o local para, em conjunto com a Proteção Civil, proceder às operações.

O avião despenhou-se na zona de Ouzenda, Pedrógão Grande, e não é nenhum dos dois Canadair contratados por Portugal, segundo a fonte da ANPC.

ACTUALIZAÇÃO 
Protecção Civil desmente queda de Canadair em Pedrogão Grande

A Protecção Civil afirma que a explosão que foi atribuída à queda de um Canadair que estaria a combater o incêndio de Pedrógão Grande não passou de uma bilha de gás a explodir numa roulote. Mesmo assim, há forças no terreno para tentar perceber o que realmente se passa.

Também o Secretário de Estado da Administração Interna diz que não tem qualquer informação sobre a queda de um avião Canadair. "A única coisa que vi foi o que foi chegando ao telemóvel, que são notícias vossas", disse aos jornalistas.
Fonte da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) informou que um avião Canadair de combate aos incêndios, que operava no fogo de Pedrógão Grande, caiu hoje à tarde, mas mais tarde esta informação foi desmentida pelo comandante operacional, Vítor Vaz Pinto.

Ainda antes das declarações de Vítor Vaz Pinto, fonte oficial do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves e de Acidentes Ferroviários (GPIAAF) indicou à Lusa que foi informado da queda de uma aeronave na zona de Pedrógão Grande, durante esta tarde, acrescentado que uma equipa deste organismo ia deslocar-se para o local para, em conjunto com a Proteção Civil, proceder às operações.

Também um helicóptero EH 101 da Força Aérea Portuguesa (FAP) de busca e salvamento foi ativado para participar nestas operações depois de um pedido da ANPC. Fonte oficial da FAP indicou à agência Lusa que o EH 101 descolou da Base Aérea N.º6, no Montijo, às 17:36 e às perto das 19:20 ainda se mantinha nas operações de busca.

Lusa/Jornal de Leiria