Economia

Aumento do desemprego é ameaça da indústria 4.0

21 mar 2016 00:00

Podendo ser uma oportunidade para novos voos, encerra também ameaças que é preciso encarar

aumento-do-desemprego-e-ameaca-da-industria-40-3421
Raquel de Sousa Silva

Internet of things, machine-to-machine, digitalização, realidade aumentada, materiais inteligentes... Podem parecer palavrões que nada nos interessam, mas a realidade está aí para demonstrar o contrário.

Estes são alguns dos conceitos da chamada indústria 4.0, que se caracteriza pela introdução de um conjunto de tecnologias digitais nos processos de produção, na relação com o cliente ou no modelo de negócio. Podendo ser uma oportunidade para novos voos, encerra também ameaças que é preciso encarar.

Uma delas é o aumento “significativo” do desemprego, alertou Rui Tocha num workshop realizado segunda-feira na Marinha Grande.

O director-geral do Centimfe lembrou que no último Fórum Económico de Davos o assunto foi discutido e se admitiu que a inovação tecnológica associada à indústria 4.0 poderá colocar em risco cinco milhões de postos de trabalho até 2020, em todo o mundo. “Temos de requalificar as pessoas para que os impactos não se sintam tanto”.

Também para Vasco Lagarto, do cluster TICE (Tecnologias de Informação, Comunicação e Electrónica), o principal desafio associado à nova revolução será mais em termos sociais do que tecnológicos.

“Os recursos humanos têm de ser capacitados para enfrentar este desafio”, pelo que se impõem mudanças no sistema de ensino e uma maior cooperação entre este e as empresas.

Leia mais na edição impressa ou torne-se assinante para aceder à versão digital integral deste artigo

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.