Sociedade

Santana Lopes sofre acidente na A1 em Leiria mas está fora de perigo

15 mai 2019 00:00

O despiste colocou o veículo fora de estrada, pelo que a A1 só foi encerrada no sentido norte-sul para o heli ambulância transportar Pedro Santana Lopes para o Centro Hospitalar de Coimbra.

santana-lopes-sofre-acidente-na-a1-em-leiria-mas-esta-fora-de-perigo-10281

O presidente da Aliança, Pedro Santana Lopes, sofreu um acidente na A1, ao quilómetro 136, perto de Pombal, no sentido Norte Sul, e teve de ser desencarcerado.

No veículo ligeiro, conduzido por Pedro Santana Lopes, seguia ainda Paulo Sande, cabeça-de-lista do Aliança às eleições europeias, que se encontra bem.

O ex-primeiro-ministro vai ser transportado de helicóptero para o Hospital de Coimbra, mas “não corre perigo de vida”, disse à Lusa fonte da campanha.

Em declarações à Lusa, Paulo Sande adiantou que se encontra bem, "apesar do susto", mas que Santana Lopes foi imobilizado com um colar cervical, por se ter queixado de "dores no peito" e ter ligeiros ferimentos na cabeça.

O antigo primeiro-ministro "não corre perigo de vida", assegurou a fonte.

De acordo com Paulo Sande, que também está a ser transportado de ambulância para ser observado no mesmo hospital, Santana Lopes está consciente.

Paulo Sande explicou ainda que regressava com Santana Lopes de uma iniciativa de campanha em Coimbra e que o líder do partido guiava o carro quando se despistaram e a viatura capotou "várias vezes".

Segundo o Comando Distrital de Operações de Socorro, o alerta para o acidente foi dado pelas 17:14 horas, tendo ido ao local 16 operacionais, apoiados por sete viaturas.

O despiste colocou o veículo fora de estrada, pelo que a A1 só foi encerrada no sentido norte-sul para a ambulância transportar Pedro Santana Lopes para o Centro Hospitalar de Coimbra.

#SEMFOMENAREGIÃO

Junte-se a uma grande causa

Ao assinar o Jornal de Leiria durante o mês de Maio, está a contribuir com 10€ para o combate à fome na nossa região.

Uma iniciativa com o apoio Makro

Saiba mais aqui.