Sociedade

Escolas da região procuram reduzir níveis negativos e retenção

11 out 2018 00:00

Plano Inovador de Combate ao Insucesso Escolar 2017-2020

escolas-da-regiao-procuram-reduzir-niveis-negativos-e-retencao-9344

Reduzir a percentagem de alunos com níveis negativos em pelo menos 10% e a taxa de retenção e desistência em pelo menos 25% são os principais objectivos do Plano Inovador de Combate ao Insucesso Escolar 2017- 2020, elaborado pela Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria (CIMRL) em conjunto com os agrupamentos de escolas.

A redução de 25% foi considerada pelo director do Agrupamento de Escolas da Batalha, Luís Novais, como algo “extremamente exigente”. A secretária executiva da CIMRL, Alcina Costa, considerou que é um “desafio” , explicando que essa foi uma média encontrada para cumprir algumas das exigências da candidatura.

O projecto dos municípios de Ansião, Alvaiázere, Batalha, Castanheira de Pera, Figueiró dos Vinhos, Leiria, Marinha Grande, Pedrógão Grande, Pombal e Porto de Mós “focaliza-se essencialmente nas crianças do pré-escolar e 1.º ciclo”, explica Carlos Agostinho, vereador da Educação da Câmara da Batalha.

Contudo, “além destes destinatários, a plataforma de apoio à função educativa estende-se a todos os níveis educativos”. O projecto envolve um trabalho de parceria e equipa, o que implica que Municípios e Agrupamentos de Escolas "trabalhem em conjunto", de modo a que as "medidas adoptadas tenham melhores resultados", sublinha Carlos Agostinho.

“Pretende-se aumentar as intervenções que de forma  

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.

Já é assinante? Inicie aqui
SAIBA COMO