Sociedade

Edifício com cinco pisos junto ao Castelo alvo de contestação

14 dez 2017 00:00

Obra foi aprovada em 2011, três anos antes do Regulamento Municipal do Centro Histórico.

edificio-com-cinco-pisos-junto-ao-castelo-alvo-de-contestacao-7817
Maria Anabela Silva

A construção de um edifício de cinco pisos, ao lado do miradouro da Avenida Ernesto Korrodi, em Leiria, está a levantar polémica. O motivo de contestação prende-se com a volumetria da obra, que tapará parcialmente a vista do miradouro sobre a cidade.

A construção em causa encontra-se licenciada, tendo o projecto sido aprovado em 2011, com parecer favorável do antigo Igespar (Instituto de Gestão do Património Arquitectónico e Arqueológico).

O assunto foi discutido na última reunião de Câmara, onde Fernando Costa, vereador do PSD, quis saber quem aprovou o prédio, “se o executivo ou o vereador por delegação de competências”.

Ricardo Santos, que até às ultimas autárquicas tutelou o pelouro das Obras Particulares e do Urbanismo, assumiu a autoria do licenciamento, cujo alvará de obra – alteração e ampliação - é datado de Junho de 2011.

“Fui eu que aprovei, porque tinha essa competência [delegada pelo presidente da Câmara]”, esclareceu, sublinhando que o projecto “teve parecer da DRCC [Direcção Regional de Cultura do Centro, antes Igespar] entidade bastante rigorosa na avaliação dos processos”.

Ao JORNAL DE LEIRIA, o Município informa que o projecto “foi aprovado em 25 de Janeiro de 2011em reunião de Câmara”, meses antes do alvará de obras e num momento em que “ainda não existia o Regulamento Municipal do Centro Histórico de Leiri

Este conteúdo é exclusivo para assinantes

Sabia que pode ser assinante do JORNAL DE LEIRIA por 5 cêntimos por dia?

Não perca a oportunidade de ter nas suas mãos e sem restrições o retrato diário do que se passa em Leiria. Junte-se a nós e dê o seu apoio ao jornalismo de referência do Jornal de Leiria. Torne-se nosso assinante.