António Sales e Raul Castro reuniram com ministra da Saúde para falar do hospital de Leiria

Sociedade

06 Março 2019

António Sales e Raul Castro reuniram com ministra da Saúde para falar do hospital de Leiria

Deputado e autarca trouxeram promessas de resolução dos problemas.

Em comunicado, António Sales, deputado eleito pelo distrito pelo Partido Socialista,informa que, hoje, dia 6, em conjunto com Raul Castro, presidente da Câmara Municipal de Leiria e presidente da Comunidade Intermunicipal da Região de Leiria, estiveram hoje reunidos com a ministra da Saúde, Marta Temido, para abordar os problemas e necessidades na área da saúde do distrito, tendo "dedicado particular enfoque à situação preocupante no serviço de urgência do Centro Hospitalar de Leiria".

A demissão do presidente do Conselho de Administração do Centro Hospitalar de Leiria, Helder Roque, foi outro dos temas abordados.

Os representantes referem que a ministra reconheceu as dificuldades existentes e prometeu "empenho na realização de várias intervenções imediatas que são necessárias para melhorar as condições e a capacidade de resposta  do serviço de urgência, e que implicam um reforço calendarizado de recursos com vista à resolução problema". 

Para António Sales, as medidas devem incluir "uma maior articulação com os cuidados primários, nomeadamente com o alargamento de horários em centros de saúde estratégicos, bem como uma optimização da dotação de camas instaladas nos serviços, de forma a permitir uma maior fluidez de doentes de urgência para o internamento. É também fundamental uma melhor articulação com a rede de cuidados continuados e com as equipas de gestão de altas de forma a criar condições para uma maior rotação de internamentos".

Ainda segundo o deputado do PS, Marta Temido terá também assumido que, em relação às outras necessidades estruturais do Centro Hospitalar de Leiria vão igualmente "ser desencadeadas várias acções tendentes a resolver de forma programada essas necessidades, comprometendo-se a desencadear a nível institucional, envolvendo a ARS centro e o CHL, as diligências necessárias à execução das medidas indispensáveis".

 

© Jorlis - Todos os direitos reservados